Páginas Avulsas

Poemas de minha autoria.

Textos

COMO ÉS…

Nua, assim como és, sem pejo ou receios,
dos delicados pés aos rijos seios,

calma e natural, simples, sem segredos,
envolvida nos teus próprios enredos,

soltos cabelos sobre os ombros nus,
os olhos reflexivos e azuis,

a sombra viva, cheia de leveza,
acortinada ao véu da luz acesa...

Algo meio que santo e leviano
como se fosses de algum outro plano…

Traços de suavidade, fantasia,
de um momento repleto de poesia...

Como se vê durante uma hora morta,
e da fresta dourada da tua porta.






 
Paulo Maurício G Silva
Enviado por Paulo Maurício G Silva em 13/01/2020
Alterado em 13/01/2020
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras